Eventos

O Renascimento Psicodélico e seus reflexos no Brasil

11 de Marzo del 2021
+ posts

Educación pública sobre plantas psicoactivas, ahora en portugués y español.
Educação pública sobre plantas psicoativas agora em português e espanhol.

CHACRUNA ENTREVISTA: Sidarta Ribeiro

Na quinta-feira, dia 11/03, às 14h, o Chacruna Latinoamérica teve o prazer de conversar com o neurocientista Sidarta Ribeiro sobre o renascimento psicodélico e seus reflexos no Brasil.

Hoje o mundo de matriz ocidental vive um momento bastante particular e auspicioso quando se fala de psicodélicos, que tem sido chamado por pesquisadores de Renascença Psicodélica ou Renascimento Psicodélico. Este movimento engloba pesquisas científicas interdisciplinares, arte, práticas religiosas e xamânicas, proposições cosmopolíticas e discussões sobre decolonização e terapias modernas contra depressão e estresse pós-traumático. Tal horizonte, que tem se expandido cada vez mais no norte global, encontra no Brasil um panorama bastante interessante e particular. Em nosso país, existe uma abertura maior para os diálogos em torno do “entourage effect”, ou “efeito comitiva”, dos compostos psicodélicos. Em terras brasileiras, as lutas dos povos indígenas ayahuasqueiros também devem ocupar um lugar central no debate sobre usos tradicionais de substâncias psicoativas. Pensando nessa interface entre modernidade, tradição, ciência e saúde no que diz respeito ao consumo de psicodélicos, o Chacruna Latinoamérica apresenta esse live original e totalmente gratuita.




Sidarta Ribeiro nasceu em Brasilia, em 1971. É Bacharel em Ciencias Biologicas pela Universidade de Brasilia (1993), Mestre em Biofisica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1994), Doutor em Neurociências e Comportamento Animal pela Universidade Rockefeller (2000) com Pós-Doutorado em Neurofisiologia pela Universidade Duke (2005). Atualmente é Professor Titular de Neurociências da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Vice-Diretor do Instituto do Cerebro da UFRN e chefe de laboratório do Instituto Internacional de Neurociência de Natal Edmond e Lily Safra (IINN-ELS). Tem experiência na area de neuroetologia, neurobiologia molecular e neurofisiologia de multieletrodos, atuando principalmente nos seguintes temas: “sono, sonho e memória”, “genes imediatos e plasticidade neuronal”, “comunicação vocal em aves e primatas”, “competência simbólica em animais não-humanos”. Tem grande interesse no estudo das bases neurais da consciência e sua alteração. Tem se envolvido no debate público sobre os usos medicinais de plantas sagradas e sobre antiproibicionismo.



Te podría interesar

Loading...